DENUNCIANDO EDIR MACEDO NO MP – A ODISSEIA II

01/03/2012

Fortes ventos contrários balançam a embarcação.

Fomos informados que  o documento-denúncia que aqui publicamos ainda não foi localizado na Procuradoria Regional dos Direitos do Cidadão – São Paulo(PRDC-SP). Segundo a PRDC-SP  é muito possível que tenha sido encaminhado para a mesa do Procurador Dr. Jefferson Aparecido Dias, no seu escritório de Marília, de onde despacha normalmente. Mas temos a promessa de sermos contatados pela PRDC-SP assim que o documento e o nº de registro do procedimento forem localizado.

Se não houve mal entendido nas comunicações, a denúncia da ABGLT sobre o mesmo delito, datada de 24/02/2012, já está registrada na PRDC-SP.

Aguardamos contato para trazer novas informações. Enquanto isso, recebemos a prova de quem recebeu o documento na PRDC-SP, no dia 07/02/2012.  José Lopes é o nome do funcionário conforme o documento abaixo recebido por email.

A transparência no trato com a coisa pública gera confiança no cidadão. Só uma sociedade confiante evolui. A Democracia anda abraçada com o Judiciário que defende as minorias dos abusos da maioria. Quando todo cidadão tiver acesso à essa defesa, os delinquentes terão que depor armas. Assim, virão a Ordem e o Progresso.

DENUNCIANDO EDIR MACEDO NO MP – A ODISSEIA

23/02/2012

Hoje, 23/02/2012 foi contatada à agência dos Correios onde foi postada com AR (aviso de recebimento) a correspondência abaixo publicada. O antendente não localizou o Aviso de Recebimento da correspondência dada como entregue pelo rastreamento do objeto no site dos Correios, conforme se vê abaixo. O atendente ficou de tentar localizar.
Em seguida foi contatada a Procuradoria Regional dos Direitos do Cidadão, para onde a denúncia fôra enviada, para se tomar conhecimento do nº de registro do procedimento, o protocolo. Lá fui informado que o sistema estava travado e que dariam retorno assim que localizassem a denúncia.
Foi contatada a Ouvidoria dos Correios para que se dê providências no sentido de localizar o Aviso de Recebimento.
Segue cópia do contato com a Ouvidoria dos Correios

DENUNCIANDO NO MP O ÓDIO FUNDAMENTALISTA II

07/02/2012

As ONGs LGBTs são as legítimas responsáveis para sair em defesa dos interesses da comunidade LGBT e seus membros. A ABGLT é a principal ONG ao nivel nacional, é pessoa jurídica que em tese têm toda credibilidade junto aos orgãos de governo, e portanto deveria ser a primeira responsável para agir, tomar atitudes, usar das ferramentas formais à sua disposição para defender pessoas vítimas dos nossos únicos agressores reais, os fundamentalistas religiosos.

Entretanto, tivemos que contar exclusivamente com o interesse de uma pessoa física para se manifestar ao nosso favor junto ao Ministério Público. Pessoa que não tem interesse nos holofotes, nem nas verbas que o governo concede para tais ações.

A denúncia que segue é contra Edir Macedo e Clodomir da IURD por exercício ilegal da medicina e por endemonizar os LGBTs, expressando assim seu discurso de ódio. Está aqui apresentada com toda transparência como devem de ser as ações de interesse público. Seguem: o termo da denúncia com carimbo dos Correios provando a entrega na agência dos originais,  o recibo dos Correios provando a postagem e o rastreamento provando a entrega no destino. A postagem, a exemplo do que foi feito na denúncia contra Malafaia, foi feita com AR – Aviso de Recebimento que só será publicado quando os Correios encaminharem ao remetente, do mesmo modo como já feito no post anterior referente à denúncia contra Malafaia.

Os vídeos-prova da denúncia  ainda estão publicados no YouTube, e são de conhecimento geral. Lista dos links ao final do post. E os dados do denunciante foram omitidos para garantir-lhe a privacidade e a segurança.

DENUNCIANDO O ÓDIO FUNDAMENTALISTA

06/12/2011

 Embora a ABGLT – Associação Brasileira de Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis e Transexuais tenha feito a sua denúncia na Procuradoria da República dos Direitos do Cidadão, não procedeu com a devida transparência numa situação tão delicada quanto importante.  Assim, o Gay Católico entendeu que deveria reforçar a denúncia da ABGLT e apresentar todo o procedimento. Até para que qualquer cidadão que se sentir lesado em seu nome e em nome da coletividade possa ter uma referência de como proceder com transparência, publicando todos os passos da sua denúncia sempre que for o caso.

O Gay Católico agradece ao denunciante, mantido aqui em sigilo para sua proteção, que se prontificou a fazer a denúncia e documentar todos os passos.

O Gay Católico fica por apresentar o nº do protocolo emitido pela Procuradoria Regional da República em São Paulo que recebeu pelos Correios a documentação com aviso de recebimento.

Não publicamos o vídeo prova da denúncia por ser repulsivo.

DOCUMENTOS

Ao: Exmo. Sr. Jefferson Aparecido Dias
Procurador Regional dos Direitos do Cidadão – PR/SP
Procuradoria da República em São Paulo
Rua Peixoto Gomide, 762/768
São Paulo-SP
01409-904
jadias@prsp.mpf.gov.br

Eu, [dados do denunciante retirados por medida de segurança], considerando que:

1. A ABGLT – Associação Brasileira de Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis e Transexuais protocolou o Ofício PR 236/2011 (TR/dh) Curitiba, 24 de outubro de 2011, junto a Exma. Sra. Gilda Pereira de Carvalho – Procuradora Federal dos Direitos do Cidadão – em pfdc001@pgr.mpf.gov.br, onde apresentou denúncia contra o Sr. Silas Malafaia, da Associação Vitória em Cristo, http://www.vitoriaemcristo.org , por ter este veiculado vídeo incitando à violência contra os homossexuais organizadores da Parada do Orgulho LGBT de São Paulo. Rf: Assunto: Solicitação de juntada – Protocolo nº 1.34.001.006152/2011-33;

2. Considerando que a prova apresentada pelo Sr. Toni Reis, Presidente da ABGLT era um trecho do vídeo em questão que estava publicado no YouTube, site de hospedagem de vídeos na internet, e que foi retirado pelo usuário que o publicou, portanto, subtraindo a prova apresentada a Procuradora Federal dos Direitos do Cidadão;

3. Considerando que o Sr. Silas Malafaia é auto denominado pastor evangélico que faz e transmite leituras das Sagradas Escrituras – A Bíblia literalistas, e demanda de seus seguidores interpretação literal dos seus discursos, homilias e leituras;

4. Considerando a extrema gravidade do discurso que sugere aos fiéis católicos e por analogia indispensável aos fiéis evangélicos, o uso da violência física com expressões chulas que se podem ouvir no 8′:15″ e mesmo ao longo de todo o vídeo (anexo em CD), e expressa um discurso agressivo que sugere pela própria forma e por imitação o uso da violência;

5. Considerando ser evidente o uso do discurso de ódio aos homossexuais como plataforma proselitista da sua doutrinação continuamente e por todos os meios de comunicação, inclusive propondo terapias de reversão aos homossexuais, terapias que são formas de violência física e psicológica contra os de orientação sexual diferente da heterossexual;

solicitamos a V. Excia, no interesse difuso da coletividade e em especial da coletividade LGBT, que se digne mandar apurar o que ora entendemos ser discursos de ódio, com incitação implícita e explícita à violência, proferidos pelo Sr. Silas Malafaia.

Na defesa de uma sociedade justa, igualitária, inclusiva e livre de preconceitos

[assinatura do denunciante retirados por medida e segurança]

Itapecerica da Serra, 30 de novembro de 2011

Anexo: meio físico – CD – com o discurso e as imagens do referido discurso do Sr. Silas Malafaia.

 

PRESENTE DE DEUS

18/09/2011

Quando é Deus que preenche o silêncio …

VA PENSIERO

25/08/2011

Nessa diáspora da cidadania, nós LGBTs do Brasil também vivemos insuportável opressão

VA PENSIERO

O vídeo de que trata este post é muito especial. É um fantástico exemplo para nós que temos, também, uma “representação parlamentar especial”… A história está narrada no corpo da mensagem abaixo.

No último dia 12 de março, Silvio Berlusconi enfrentou uma realidade. A Itália festejava os 150 anos de sua unificação. E isto aconteceu na Ópera de Roma, com a ópera “Nabuco”, de Giuseppe Verdi, dirigida pelo maestro Riccardo Muti.

Nabuco é uma obra tanto musical como política. Evoca o episódio da escravidão dos judeus na Babilônia, e seu famoso coro “Va Pensiero” – o canto dos escravos oprimidos. Na Itália, este canto é o símbolo da busca de liberdade do povo, que, ao final do século XIX – época na qual foi escrita a ópera -, estava oprimido pelo império Habsburgo, o qual foi combatido até a criação da Itália unificada.

Antes da apresentação, Gianni Alemanno, Prefeito de Roma, subiu ao palco para pronunciar um discurso denunciando a retaliação do Ministro da Cultura, que estava no Governo, apesar de Alemanno também ser membro do partido governante e velho ministro de Berlusconi. Esta intervenção política, em um momento cultural dos mais simbólicos para a Itália, produziria um efeito inesperado, posto que Berlusconi, em pessoa, assistia à apresentação da ópera.

Ricardo Muti, diretor da orquestra, contou que foi uma verdadeira revolução:

“No princípio, houve uma grande ovação do público. Depois, começamos com a ópera, que se desenvolveu muito bem, até chegarmos ao famoso coro ‘Va Pensiero’.

Imediatamente, senti que a atmosfera estava tensa no público. Existem coisas que não podemos descrever; porém as sentimos. Era o silêncio do público que era sentido. Porém, no momento em nos demos conta de que se iniciava o ‘Va Pensiero’, o silêncio se preencheu de verdadeiro fervor. Podia-se sentir a reação visceral do público’ ante o lamento dos escravos que cantavam: ‘Oh pátria minha, tão bela e perdida’.

Quando o coro chegou ao seu final, já se podiam ouvir, na platéia, vários “bis”. O público começou a gritar: “Viva Itália!”, “Viva Verdi!”, “Longa vida à Itália!”. As pessoas da galeria começaram a atirar panfletos com mensagens patrióticas.

Em certa ocasião, Muti havia aceitado de fazer um bis para o “Va Pensiero”, no Escala de Milão, em 1986, visto que para ele a ópera não deve sofrer interrupções. “Eu não queria somente fazer um bis. Teria que existir uma intenção especial para fazê-lo”, relata. Porém o público já havia despertado seu sentimento patriótico. Em um gesto teatral então, Muti se voltou para o público, olhou para Berlusconi e falou: “Sim, estou de acordo com isto. “Longa vida à Itália!”.

Porém… Já não tenho mais 30 anos. Já vivi a minha vida; mas, viajei muito pelo mundo, e hoje tenho vergonha do que acontece em meu país. Então, cederei ao pedido do público para um bis para o ‘Va Pensiero’, novamente. Não é só pela dita patriótica que sinto, senão porque esta noite, quando dirigia o coro que cantou “Ai minha pátria, bela e perdida”, pensei que se seguirmos assim vamos matar a cultura sobre a qual se construiu a história da Itália. Em tal caso, nossa pátria estaria em verdade “bela e perdida”.

(Aplausos, inclusive os dos artistas em cena)

E continuou: Já que reina aqui um clima italiano, eu, Muti, calei minha boca por muitos anos. Quisera agora dizer algo… Teríamos que dar sentido a este canto; estamos em nossa casa, no teatro de Roma, e com um coro que cantou magnificamente bem e acompanhou de forma esplêndida. Se querem, proponho a todos de unir-se a nós para que cantemos juntos.

“Vi grupos de gente levantando-se. Toda a ópera de Roma se levantou. E o coro também. Foi um momento mágico na ópera. Essa noite não foi somente uma representação de Nabuco, mas, também, uma declaração do teatro da capital para chamar a atenção dos políticos”.

Agora, veja o vídeo com os momentos acima descritos. Basta clicar no link abaixo…

http://www.youtube.com/watch?v=gaXE0v0bJoE&feature=related

 

 

O BRASIL É LAICO

30/07/2011

ESTADO LAICO

 

Fala-se muito sobre laicidade do Estado no Brasil por ser um país de grande diversidade religiosa.  Esta semana o Estado Laico será tema dos blogs brasileiros. É uma campanha.

 

O Gay Católico vai preferir transgredir o que puder.Não vamos penetrar a história, nem definir nada.

A Igreja Católica, perdeu muito do seu poder sobre o Estado, mas continua lutando para manter o pouco que possui de poder sobre as instituições públicas. Os evangélicos fundamentalistas literalistas, por sua vez, radicalizam e querem o poder para transformar o Brasil numa teocracia. Parece exagero? Os pastores evangélicos de última geração são muito mais ambiciosos que Judas. São capazes de subterfúgios como chantagem para alcançar seus objetivos, e seu objetivo maior é o poder central. Suas Marchas para o Planalto, travestidas de Marcha para Jesus, são outro exemplo de farisaísmo.

 

Enfim, as lideranças religiosas como têm influência sobre seu rebanho, têm poder eleitoral. Têm votos. E com isso atravessam com frequência a fronteira da laicidade estatal para fazer valer seus interesses sob pretexto religioso. E não raras vezes trazem o Estado refém.

 

O Estado Laico no Brasil é frágil e com isso os direitos humanos em terras brasileiras são feridos de morte diariamente.

 

Por isso estamos em campanha nacional pelo Estado Laico. Para tentar acordar os poderes e cobrar deles vigilância e postura firme em defesa da laicidade do Estado no Brasil.

 

É convicção do Gay Católico que o mais importante e maior emblema da laicidade do Estado são os direitos dos homossexuais. E que o Estado Laico, na acepção mais rigorosa do termo, é o melhor caminho político e civil de contribuição com a santidade das igrejas.

 

Um Estado Laico puro ao lado de igrejas introspectivas, contritas, contemplativas e solidárias faz uma nação ser harmônica no caminho da sua própria santidade.

DIVERSIDADE

22/07/2011

DILMA ROUSSEF, EU SOU VOCÊ AMANHÃ!

23/06/2011

O DISCURSO QUE ESPERAMOS OUVIR DE DILMA ROUSSEF, A PRESIDENTA DA REPÚBLICA FEDERATIVA DO BRASIL

http://www.youtube.com/watch?v=wQLxr3oIKE0

 

 

NOSSO MÁRTIR, NOSSO HERÓI, NOSSO SANTO!

21/06/2011


%d blogueiros gostam disto: