Archive for the ‘EDUCAÇÃO’ Category

A ESTRATÉGIA DE LOUIS P. SHELDON

06/09/2012

MINHA AGENDA É A PAZ

LUTAMOS PELA DIVERSIDADE SEXUAL PORQUE JÁ ENTENDEMOS QUE ELA É A ONTOLOGIA DE TODA A DIVERSIDADE HUMANA

Os “pastores” fundamentalistas neo pentecostais querem usar o que eles fingem acreditar, preceitos bíblicos contraditórios (e por isso não sagrados), para na verdade abrir caminho para um projeto mais largo de hegemonia de seu grupo.

Agora eles estão usando as populações LGBTs como bodes expiatórios porque ainda há resquícios de homofobia nas outras confissões religiosas. Mas na verdade eles querem vencer os homossexuais, aqui e no mundo, para depois partirem numa cruzada contra as outras religiões, e finalmente, contra o Estado Laico.

Eles sonham retomar o poder que os profetas tinham antes dos reis, onde os místicos controlavam o povo e sua cultura, inclusive a ciência.
É uma empreitada paranóica porque eles são paranóicos, mas o que estão fazendo é um enorme estrago no tecido social.

Eles são a maçã podre do balaio. Os falsos profetas do 3º milênio que apenas por terem o carisma do poder como tiveram Hitler e Mussolini, acreditam que são os profetas de Deus. Escondem suas insustentáveis contradições atrás da trincheira armada contra as populações da diversidade sexual, hoje já reconhecidas pelas religiões mais tradicionais, senão no todo, caminhando para isso.

Não. As populações da diversidade sexual são exigências da natureza que eles querem dar como pervertidas, Como se fosse possível que meia duzia de frases lidas fora do contexto histórico tivessem mais poder que uma natureza de muitos milhares de anos espalhada por toda a superfície terrestre. A ontologia de Deus está na ontologia da Terra.

As populações LGBTs não são contra as religiões, até porque sua imensa maioria é constituída por pessoas que acreditam no transcendente e estão disseminadas por todas as confissões religiosas. Mas, as populações LGBTs não podem mais estar submissas ao fundamentalismo religioso porque estas populações LGBTs são as que receberam o bastão para dar continuidade à evolução das civilizações nas sua perfeita harmonia com todas as tradições as mais diversas. A diversidade sexual é o carro chefe da diversidade cultural, política e religiosa.

É isso que eles querem destruir para em seguida destruir toda diversidade humana.

Sim. Ela é valente.

22/07/2012

 
UM pouquinho de mim e todo preconceito que sofri, por ser assim MOLEQUE!!!!
Eu era uma menina sem amigas meninas, só tinha meus primos e amigos homem, brincava de futebol, carrinho de rolemã, eu era briguenta, vivia roxa, não colocava saia, pois não tinha modos de uma menina, usava Kichute , aquele preto e amarrado nas pernas, jogava sempre no campinho em Araraquara, tambem fazia pipas, odiava bonecas, ganhei um boneco e enterrei, rsrsrs, o manequinho, tinha carrinhos, fliperama, sempre adorei, uma tia minha disse: Esta menina vai ser sapatão, mas ninguem enxergava que eu gostava de viver sem regras, tabus, uma menina que gosta de coisas e luta por elas.Tudo bem, eu tambem trepava em árvores, meus amiguinhos de brincadeiras eu beijava todos na árvore, uma menina muito assanhada, eu nasci hetero, mais brincava como queria, não com aquelas meninas bobas, que brincava de roda, esconde esconde, gostava de mais, muito mais.Eu perdi a virgindade aos 13 anos, isso era muito cedo na minha época, com 15 tive o primeiro filho, depois mais 03 filhos, tive que fazer laquiadura, ou teria mais de 10 filhos, tive tambem um casamento de 12 anos, outro de 06 meses, outro de 12 anos que estou hoje com meu maridinho, gostosinho, lindo, do jeitinho que pedi a Deus rsrsrs, minha tia teve uma filha, Débora que nasceu lésbica, ela que tinha tanto medo, e me torturou tanto, hoje aceita e apoia sua filha, vejo como evolução para ela, eu continuo meio moleque, talvez vou ser assim até velhinha, sou hetero não por opção, porque gosto mesmo de homem, mas a hipocrisia é tamanha com a maioria hetero, que se pudesse escolher seria lésbica, se eu nascer na próxima encarnação, gostaria de vir gay rsrsrs..o Preconceito existe na cabeça fraca de uma sociedade machista, se o menino brinca com meninas ele vai ser gay, se a menina brinca com meninos vai ser lésbica, isso não existe.. você não têm opção, isso que é uma merda, que a sociedade não entende. Trabalhei de motorista desde os 18 anos, motorista de entrega, depois motorista de produção, tenho habilitação de moto tambem, hoje sou Corretora de Imóveis, mas é meu estilo de vida, e nem por isso gosto de mulher na cama, gosto de homens bem dotados rsrsrs ( Brincadeira verdade ) rsrsrs, mas a pessoa não deve nunca ser o que uma sociedade quer e sim ser verdadeiro, viver sua verdade, ser o que é, porque se eu fosse lésbica jamais esconderia de ninguem, se eu fosse gay, jamais ficaria no closet.. viva a vida hoje, ama verdadeiramente, porque a vida aqui é passageira, não olhe para trás, nem para os lados, aliás cuidado para não ser atropelados, olhar para fuxicos, porque toda pessoa mau amada, mau resolvida, amarga, louca vai estar no seu pé, por inveja, por não consseguir ser verdadeira..

 

Renata Valente

XEQUE MATE

27/03/2012

A homossexualidade não pode influenciar o outro porque é inata.

– Não! É escolha!

Na hipótese de escolha:
1. Escolhe-se o melhor, então o melhor seria a homossexualidade implicando o fim da espécie. Portanto nesse caso não é escolha.
2. Na hipótese da homossexualidade ser melhor apenas para alguns e sendo a heterossexualidade natural nos héteros, então, ou é também natural nos homos ou é:
perversão, ou vício, ou doença, ou trauma, ou defeito genético, ou possessão demoníca.
O que é, então?

É perversão

– Não, porque milhões de pessoas em todo o mundo, em todos esses milênios não suportariam viver no opróbrio por uma tara.

É vício

– Não, porque os abstinentes são a prova de que a total abstinência não é capaz de provocar desejo pelo sexo oposto.

É doença

– Não, porque não há registros de medicina curativa também desde sempre, desde a origem da humanidade. E a OMS retirou seu status de doença porque não se enquadra na definição de doença.

É trauma

– Não, porque não há registros significativos de superação do trauma. E mesmo as tentativas de forjar tais registros fracassaram.

É defeito genético

– Não, porque não ameaça a sobrevivência do homossexual, nem a sua auto suficiência, nem o impede de alcançar a felicidade. Assim, do mesmo modo que não é doença, não é deficiência.

É possessão demoníaca

– Não, porque não há jejum, penitência e oração que desperte o desejo pelo sexo oposto.

Conclui-se que não é perversão, não é vício. não é doença, não é trauma, não é defeito genético, não é possessão demoníaca; consequentemente não é escolha nem apenas para alguns.
Se é assim, então… o que poderia ser?
É característica da natureza de certos indivíduos. É ontológico. É pré natal e pré determinado. É perfeitamente natural.

O BRASIL É LAICO

30/07/2011

ESTADO LAICO

 

Fala-se muito sobre laicidade do Estado no Brasil por ser um país de grande diversidade religiosa.  Esta semana o Estado Laico será tema dos blogs brasileiros. É uma campanha.

 

O Gay Católico vai preferir transgredir o que puder.Não vamos penetrar a história, nem definir nada.

A Igreja Católica, perdeu muito do seu poder sobre o Estado, mas continua lutando para manter o pouco que possui de poder sobre as instituições públicas. Os evangélicos fundamentalistas literalistas, por sua vez, radicalizam e querem o poder para transformar o Brasil numa teocracia. Parece exagero? Os pastores evangélicos de última geração são muito mais ambiciosos que Judas. São capazes de subterfúgios como chantagem para alcançar seus objetivos, e seu objetivo maior é o poder central. Suas Marchas para o Planalto, travestidas de Marcha para Jesus, são outro exemplo de farisaísmo.

 

Enfim, as lideranças religiosas como têm influência sobre seu rebanho, têm poder eleitoral. Têm votos. E com isso atravessam com frequência a fronteira da laicidade estatal para fazer valer seus interesses sob pretexto religioso. E não raras vezes trazem o Estado refém.

 

O Estado Laico no Brasil é frágil e com isso os direitos humanos em terras brasileiras são feridos de morte diariamente.

 

Por isso estamos em campanha nacional pelo Estado Laico. Para tentar acordar os poderes e cobrar deles vigilância e postura firme em defesa da laicidade do Estado no Brasil.

 

É convicção do Gay Católico que o mais importante e maior emblema da laicidade do Estado são os direitos dos homossexuais. E que o Estado Laico, na acepção mais rigorosa do termo, é o melhor caminho político e civil de contribuição com a santidade das igrejas.

 

Um Estado Laico puro ao lado de igrejas introspectivas, contritas, contemplativas e solidárias faz uma nação ser harmônica no caminho da sua própria santidade.

DIVERSIDADE

22/07/2011

OBAMA É QUE É O CARA!

10/06/2011

 

 

October 14, 2010|By the CNN Wire Staff 

Obama: Homossexualidade não é escolha

(CNN) – O presidente Obama disse hoje que acredita que a homossexualidade não é uma escolha, mas o resultado de pessoas nascidas com “uma certa composição.”

Seu comentário foi feito durante um evento informal – organizado pela BET Networks da Viacom, CMT e MTV – em que os estudantes fizeram-lhe perguntas.

Perguntado diretamente se pessoas escolhem ser gays ou transgêneros, ou se nascem assim, Obama disse que não era um especialista, e acrescentou em seguida: “Não acho que é uma escolha. Penso que pessoas nascem com uma certa composição”

“Somos todos crianças de Deus,” disse Obama. “Nós não determinamos a quem amar. Por isso acho que discriminação com base em orientação sexual é errado.”

É provável que a posição do Presidente tenha irritado alguns grupos cristãos conservadores que defendem que é pecado e que consequentemente implica em escolha. [Mas nada provam cientificamente…]

http://articles.cnn.com/2010-10-14/politics/obama.homosexuality_1_homosexuality-transgender-people-choice?_s=PM:POLITICS

 

O Gay Católico observa que apesar de declarar não ser um especialista, seguramente Barack Obama tem a melhor assessoria técnica e científica do planeta. Veja em links agregados à carta aberta que o Gay Católico dirigiu à Presidenta Dilma Roussef, a explanação que o Dr. Jerome Goldstein fez no 21º Congresso da Sociedade Européia de Neurobiologia que ocorreu entre 28 e 31 de maio último.

https://gaycatolico.wordpress.com/2011/06/08/presidenta-dilma-roussef/

HOMOFOBIA É IMORAL

28/05/2011

E no entanto… a ordem da moralidade foi subvertida pelos moralistas.

Por um  Estado Laico e PLC 122, JÁ!

 

 

EUA – PESQUISA BOMBÁSTICA!

07/04/2011

Do Public Religion Research Institute – Washington, DC 20036

 

 

Relatório – Atitude católica sobre gays e lésbicas: um retrato abrangente da recente pesquisa

 

 

Os católicos são mais favoráveis ​​aos reconhecimentos jurídicos de pessoas do mesmo sexo do que os membros de qualquer outra tradição cristã e os americanos em geral.

Aproximadamente 75% dos católicos são a favor da permissão do casamento entre pessoas do mesmo sexo (43%) ou da união civil (31%). Somente 22% dos católicos são contrários ao reconhecimento legal das uniões homossexuais.

Quando o casamento homossexual é definido explicitamente como um casamento civil, o apoio é dramaticamente mais alto entre os católicos.

Se o casamento para casais gays é definido como casamento civil “como o que se realiza em cartório”, o apoio católico para a modalidade aumente 28%, de 43% para 71%. O mesmo padrão existe na população em geral, mas entre católicos é mais pronunciado.

Sob o tema do casamento homossexual, o apoio católico às lésbicas e aos gays é forte e ligeiramente maior que o do público em geral.

Aproximadamente três quartos (73%) dos católicos apoiam leis que protejam gays e lésbicas contra a discriminação em ambiente de trabalho; 63% dos católicos apoiam gays e lésbicas assumidos no serviço militar; e 6 em 10 (60%) dos católicos são a favor da adoção de crianças por casais homossexuais.

Comparado com o público em geral que vai à igreja, os católicos são muito menos propensos a ouvir sobre a questão da homossexualidade do seu clero, mas aqueles que ouvem têm muito mais probabilidade de ouvir mensagens negativas

Somente 1 em cada 4 (27%) dos católicos que assistem missa regularmente diz que o padre fala sobre homossexualidade, mas cerca de dois terços (63%) desse grupo dizem que as mensagens ouvidas são negativas.

Comparado a outros grupos religiosos, os católicos são significativamente mais propensos a dar a sua igreja avaliações pobres sobre como ela está lidando com a questão da homossexualidade.

Menos de 4 em 10 (39%) dos católicos dão à sua igreja alta avaliação (em notas tanto A como B) ao ítem manejo da homossexualidade.

Sete em cada dez católicos dizem que as mensagens em lugares de culto dos Estados Unidos contribuem muito (33%) ou pouco (37%) para aumentar a taxa de suicídio entre jovens gays e lésbicas.

A esmagadora maioria de católicos rejeita a idéia de que a orientação sexual possa ser mudada.

Aproximadamente 7 entre 10 (69%) dos católicos discordam que oreintação homossexual possa ser mudada; menos de 1 em 4 (23%) acredita que pode ser mudada.

A maioria dos catolicos (56%) acredita que relações sexuais entre dois adultos do mesmo sexo não é pecado.

Entre a população geral, menos da metade (46%) acredita que não é pecado.

(PRRI, Religion & Politics Tracking Survey, October 2010).

fonte:

 

http://www.publicreligion.org/research/?id=509

MENO MALE

01/04/2011

Nem todos os católicos são assim. Deveriam ser mas não são. Que sirva de exemplo aos  católicos homofóbicos. 

31/03/2011

Um colégio católico australiano de Caboolture, o St. Columban, cancelou a concessão de espaço para uma palestra de um “ex-gay” americano promovida pelo “Miracle Christian Center”, grupo sem vínculo algum com o colégio.

 

O colégio foi iludido pelo grupo MCC, que só mostrou a que veio quando publicou anúncio na mídia local para a promoção do evento.

O Diretor Executivo da Educação Católica, David Hutton, disse que “a Igreja Católica abomina todas as formas de homofobia e não irá fornecer espaço para homofóbicos emitirem as suas opiniões”.

leia a declaração de Ann Rebgetz, diretora da escola secundária

http://www.stc.qld.edu.au/article.php?id=82

 
 

 

Orações para Bobby – completo

28/03/2011
AS MÃES SABEM TUDO SOBRE SEUS FILHOS DESDE A CONCEPÇÃO
 


%d blogueiros gostam disto: