Archive for março \29\UTC 2012

QUERO SABER COMO É…

29/03/2012

Legendado em português. Ative a legenda se não carregar automaticamente.

 

XEQUE MATE

27/03/2012

A homossexualidade não pode influenciar o outro porque é inata.

– Não! É escolha!

Na hipótese de escolha:
1. Escolhe-se o melhor, então o melhor seria a homossexualidade implicando o fim da espécie. Portanto nesse caso não é escolha.
2. Na hipótese da homossexualidade ser melhor apenas para alguns e sendo a heterossexualidade natural nos héteros, então, ou é também natural nos homos ou é:
perversão, ou vício, ou doença, ou trauma, ou defeito genético, ou possessão demoníca.
O que é, então?

É perversão

– Não, porque milhões de pessoas em todo o mundo, em todos esses milênios não suportariam viver no opróbrio por uma tara.

É vício

– Não, porque os abstinentes são a prova de que a total abstinência não é capaz de provocar desejo pelo sexo oposto.

É doença

– Não, porque não há registros de medicina curativa também desde sempre, desde a origem da humanidade. E a OMS retirou seu status de doença porque não se enquadra na definição de doença.

É trauma

– Não, porque não há registros significativos de superação do trauma. E mesmo as tentativas de forjar tais registros fracassaram.

É defeito genético

– Não, porque não ameaça a sobrevivência do homossexual, nem a sua auto suficiência, nem o impede de alcançar a felicidade. Assim, do mesmo modo que não é doença, não é deficiência.

É possessão demoníaca

– Não, porque não há jejum, penitência e oração que desperte o desejo pelo sexo oposto.

Conclui-se que não é perversão, não é vício. não é doença, não é trauma, não é defeito genético, não é possessão demoníaca; consequentemente não é escolha nem apenas para alguns.
Se é assim, então… o que poderia ser?
É característica da natureza de certos indivíduos. É ontológico. É pré natal e pré determinado. É perfeitamente natural.

DENUNCIANDO EDIR MACEDO NO MP – A ODISSEIA II

01/03/2012

Fortes ventos contrários balançam a embarcação.

Fomos informados que  o documento-denúncia que aqui publicamos ainda não foi localizado na Procuradoria Regional dos Direitos do Cidadão – São Paulo(PRDC-SP). Segundo a PRDC-SP  é muito possível que tenha sido encaminhado para a mesa do Procurador Dr. Jefferson Aparecido Dias, no seu escritório de Marília, de onde despacha normalmente. Mas temos a promessa de sermos contatados pela PRDC-SP assim que o documento e o nº de registro do procedimento forem localizado.

Se não houve mal entendido nas comunicações, a denúncia da ABGLT sobre o mesmo delito, datada de 24/02/2012, já está registrada na PRDC-SP.

Aguardamos contato para trazer novas informações. Enquanto isso, recebemos a prova de quem recebeu o documento na PRDC-SP, no dia 07/02/2012.  José Lopes é o nome do funcionário conforme o documento abaixo recebido por email.

A transparência no trato com a coisa pública gera confiança no cidadão. Só uma sociedade confiante evolui. A Democracia anda abraçada com o Judiciário que defende as minorias dos abusos da maioria. Quando todo cidadão tiver acesso à essa defesa, os delinquentes terão que depor armas. Assim, virão a Ordem e o Progresso.


%d blogueiros gostam disto: